Análise Literária: Besom, Stang & Sword de Christopher Orapello e Tara-Love Maguire

por - maio 21, 2020

Título: Besom, Stang & Sword: A Guide to Traditional Witchcraft, the Six-Fold Path & the Hidden Landscape
Autor(es): Christopher Orapello e Tara-Love Maguire 
Pontuação
Descrição: A bruxaria tradicional regional é uma forma animista de bruxaria que se afasta dos festivais religiosos da colheita e das práticas voltadas para a fertilidade associadas à forma mais comum de bruxaria da Wicca. Poucos de nós nesta época são agricultores ou dependentes de colheitas. A bruxaria tradicional regional ensina as pessoas a encontrarem suas embarcações em seus próprios quintais, na terra não cultivada ou na paisagem urbana, e em seus ancestrais, e não em antigas divindades estrangeiras ou em uma forma religiosa de estilo neopagão. Não é sobre onde você é, mas onde você está.O material é adaptável a qualquer região em que o praticante vive. Embora a falta de adoração à divindade e dias sagrados seja uma parte significativa da abordagem não religiosa dos autores, este livro apresenta um sistema completo de prática que utiliza ritual, canto, transe, os seis caminhos da bruxaria, conforme definidos e explicados pelo texto, e práticas associadas à bruxaria tradicional. 
Onde Comprar*: Book Depository | Espiral (Português) | Madras (Português) | Scribd Livro & Audiobook (Ative dois meses grátis!)
Análise: Tive oportunidade de ler este livro através do serviço Scribd (indicado em cima) quer como livro e como audiobook. Pessoalmente li o livro em inglês, contudo, o mesmo já existe traduzido em Português e lançado pela Editora Madras*, pelo que está facilmente acessível a leitores portugueses e brasileiros! E deixem-me que vos diga, recomendo imenso este livro.

Eu já acompanho o trabalho do Chris Orapello e da Tara Maguire à bastante tempo, através do seu podcast Down at the Crossroads, sendo que até os  apoio no Patreon. Adoro o trabalho deles e fiquei extremamente feliz quando soube que iam lançar o seu livro. Apesar de eu não praticar uma vertente de Bruxaria Tradicional, nem ser o meu foco a nível da minha prática pessoal, adoro ler e saber mais sobre outros caminhos e práticas, principalmente quando este conhecimento vem de fontes que eu confio, como estes autores.

Este é um excelente livro para introdução à Bruxaria Tradicional e aborda imensos temas importantes e que raramente vemos abordados em livros de introdução como necromancia, herbalismo com ervas venenosas, trabalho com espíritos, trabalho sem recorrer a divindades, etc. É um livro fantástico, recheado de informações claras, com fontes devidas onde são necessárias e com vários exercícios para aqueles que pretendem experimentar ou adoptar estas práticas para o seu quotidiano. Algo que também adorei na explicação e ao longo do livro, é a forma como os autores (algo que eu já sabia, mas que não deixo de adorar ver!) defendem a necessidade de adaptar as nossas práticas aos sítios onde nós vivemos. É um tema constante ao longo do livro o facto de que não devemos basear a nossa prática em ritmos naturais que não estão presentes no nosso dia-a-dia e no local onde vivemos e que a forma de desenvolver uma melhor ligação com o que nos rodeia, com os espíritos e energias dos locais onde vivemos, é garantir que a nossa prática se alinha com os ritmos destes locais, através das celebrações, ingredientes utilizados, entre outros. Quem me conhece e acompanha o meu trabalho sabe o quanto eu refiro várias vezes a necessidade de estar em conexão com o local que trabalhamos e ver isto refletido num livro é tão reconfortante e fantástico!

Este é dos principais livros que irei recomendar dentro da temática da Bruxaria Tradicional e mal posso esperar para comprar em versão física e ter na minha estante, para puder recorrer a ele sempre que precisar, porque é um daqueles livros que queremos ler e  ler e consultar várias vezes. Aliás, acredito, que cada vez que o lermos iremos descobrir ou notar algo novo que nos tinha passado despercebido anteriormente e eu adoro isso.

E vocês? Já tiveram oportunidade de ler este livro? O que acharam?

Nota: * A edição portuguesa tem, contudo, dois pequenos erros: Não contém a imagem do Witch Lord e na ilustração do espaço de trabalho a mesma tem um pequeno erro, pelo que recomendamos que verifiquem estes recursos na versão inglesa, até ser feita a correção na próxima edição portuguesa.

* Os links fornecidos pertencem a 'Affiliate Programs' e geram uma taxa de lucro ao Sob o Luar. Não existe qualquer despesa adicional para o comprador. 

Também podes gostar

2 Comentários

  1. Seguindo o vosso conselho, adquiri o livro mas na versão portuguesa da madras. Embora não seja o meu caminho, há partes uteis que foram capazes de enriquecer rituais. Embora não me identifique com o "Blacktree" como se referem ao caminho da bruxaria tradicional no livro, foi util conhecer um novo caminho do qual ainda não tinha ouvido falar.

    Obrigado pela dica,
    Abençoados sejam
    Miguel Sousa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá!
      Fico muito contente por ter gostado do livro! É um excelente recurso, até para quem não se identifica muito com Bruxaria Tradicional ou com alguns aspetos da mesma.
      Bênçãos Plenas,
      Alexia Moon

      Eliminar