sexta-feira, 25 de janeiro de 2019

# Análises Literárias # Biografias

Análise Literária: "Memórias de uma Feiticeira" de Lilith

Título: Memórias de uma Feiticeira: Feitiços e Ritos com histórias
Autor(es): Lilith
Pontuação
Descrição: "O meu tio A. não passava nas encruzilhadas de noite e, se tinha de o fazer, deixava um fio de azeite num dos caminhos para a moura não atormentar, mas se fosse Lua Cheia não ia, nem com os conselhos que a Tia lhe dizia: - só se deixares leite, porque com a Lua prenhe a moura canta e prende e só a distrais com leite e depois ela vira serpente e foge, mas foges tu primeiro e nunca olhas para trás...""Esta minha estima por Marta Martalina, a que não era santa nem divina, mas sim uma mulher encantadora, foi o impulso para o meu interesse pelo Príncipe das Trevas. Lá no fundo do meu coração, eu queria encontrá-Lo, ser a sua noiva. Enfim, algo me atraía para o outro lado, o do desconhecido que todos temiam e fingiam não acreditar. Mas nos livros de feitiços, era a Ele a quem pediam favores. E pensei: "Então se há quem ame Cristo, também há quem ame Lúcifer?" Afinal o diabo é belo, chamam-lhe um anjo caído e eu queria conhecê-lo! Se havia um anjo caído, Lúcifer, quem seria ele?" "Conforme eu avançava, o tapete negro ia-se levantando, as capas elevavam-se do chão quais asas negras ondulantes. Senti estar a ser recebida em casa da Morte que estava a cumprimentar-me, presenteando-me com uma cerimónia do mais intenso e estético momento que uma sacerdotisa dos antigos pode receber. Ali, no seu reino, ela abria-me o caminho e eu avançava enquanto as capas negras iam saindo do chão negro e aveludado, dando lugar ao piso de pedra mármore bela e fria. " "Qualquer prática para mudar o destino, aciona sempre a Lei do Retorno"
Onde Comprar: Espiral
Análise: Tenho a admitir que este livro é algo especial, porque não só conheço a autora há longos anos, mas também tenho um carinho especial por ela e, como tal, ler a sua biografia foi sem dúvida uma aventura muito bem recebida!
Este é um livro diferente dos restantes livros porque nem é livro de feitiços nem é biografia, é as duas coisas juntas de forma harmoniosa e fluída, que o torna simplesmente fantástico. Lilith é uma das figuras importantes do Paganismo Português, sendo a Cofundadora e Presidente da PFI-Portugal/Associação Cultural Pagã e tendo diversos outros títulos de importância em Portugal e na Europa. O seu trabalho reflete-se nas comunidades e, como tal, este livro é sem dúvida um excelente contributo e um legado do seu trabalho. Neste a autora conta-nos da sua vida e dos primeiros passos no Paganismo e no mundo do Ocultismo, partilhando connosco receitas e feitiços que tiveram impacto ao longo da sua vida e dando-nos acesso aos mesmos, para que os possamos aplicar na nossa vida. São recursos muito preciosos pois estamos a falar de práticas que dificilmente se encontram disponíveis hoje em dia, oriundas de práticas antigas e locais. São também feitiços e rituais que nos mostram como, por baixo da máscara do Catolicismo, se encontram práticas antigas e que têm um valor tremendo para a Magia e para os praticantes modernos da Velha Arte. Ao mesmo tempo, conta-nos da sua vida e vivências num tom como se estivéssemos sentados junto a uma lareira a beber um chá e conversar como amigos. É um livro de rápida leitura e extremamente acessível para os leitores, transportando-nos para o surgimento do movimento neopagão em Portugal, na segunda metade do século XX e permite-nos refletir sobre as diferenças do antes e do agora, do secretismo dos velhos tempos e a maior abertura de hoje em dia.
O livro aborda diversos temas, em paralelo com a biografia da autora, como questões de amor, saúde, proteção, astrologia e até os Deuses Antigos, dando-nos também um gostinho sobre o crescimento da Wicca e da mesma vista do ponto de vista português. Creio que é sem dúvida um bem importante para o Paganismo português a existência desse livro e posso apenas esperar que mais venham, para que possamos conhecer e recordar toda a evolução do Paganismo português até aos dias de hoje. É sem dúvida um livro que recomendo.

2 comentários:

  1. Agradeço a Analise do livro, é sincera e sinto-me bem por o ter escrito.
    Na verdade, fi-lo para responder a um desafio, e agora ao lê-lo realmente sinto que faltou desenvolver muitas partes, e acrescentar umas tantas outras. Sim, quando o verão chegar talvez comece o seguimento, agora com mais tempo e mais confiante.
    Obrigada Alexia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É sem dúvida um excelente livro e mal posso esperar pela continuação, que também será falada aqui no blog, de certeza com elogios! 💛 Muito obrigada querida Isobel!

      Eliminar