Sacerdócio aos Deuses

Unsplash (Marcelo Matarazzo)
Hoje quero partilhar convosco sobre o que é um Sacerdócio aos Deuses. Existem vários tipos de Sacerdócios e dentro de várias tradições e cada um deles tem a sua especificidade. Existe Sacerdócio dentro da Wicca Tradicional onde cada praticante é iniciado e torna-se Sacerdote ou Sacerdotisa dos Deuses, podendo depois passar por vários graus para aumentar e aprimorar o seu conhecimento e o seu caminho. Existe Sacerdócio no Culto à Deusa e em várias tradições associada ao Culto da Deusa e, inclusive, em diversas organizações mundiais como a Fellowship of Isis ou o Glastonbury Goddess Temple. Existe Sacerdócios dentro de Tradições privadas ou dentro de organizações e caminhos específicos dentro do Paganismo em geral. Cada um destes Sacerdócios é diferente do outro porque cada um exige do iniciado um grau de dificuldade ou um conjunto de características e obrigações diferentes. Porém nenhum deles é menos válido do que o outro. Todos os Sacerdócios são válidos. Este é um dos pontos que quero começar por frisar. Um Sacerdote Wiccano não é menos ou mais do que um Sacerdote pela Fellowship of Isis. Apenas são Sacerdotes diferentes e com metodologias de trabalho e focos de trabalho diferentes. 

Neste caso eu posso apenas falar no meu Sacerdócio. Recentemente fui consagrada como Sacerdotisa de Hekate e Persephone pela Fellowship of Isis e iniciei o meu trabalho de Sacerdotisa com o meu Iseum (ICT - Iseum do Caminho da Terra). E irei partilhar convosco o que é, para mim, um Sacerdócio aos Deuses. 

Na minha opinião e experiência, um Sacerdócio aos Deuses é, acima de tudo, um Serviço. Colocamo-nos ao Serviço dos Deuses e como seus "representantes" no caminho. As nossas acções e os nossos métodos de trabalho irão reflectir aquelas Divindades. Recordam-se quando, em tempos antigos, existiam os Templos dedicados às Divindades onde várias mulheres e homens dedicavam o seu dia-a-dia ao trabalho do templo, à manutenção do templo, à ajuda de quem precisasse, aos rituais diários, etc? Essa é, para mim, a imagem de um Sacerdócio. A devoção da vida e do serviço aos Deuses. O meu trabalho, enquanto Sacerdotisa, é o de manter as chamas dos altares das Deusas acesas e garantir que Elas nunca são esquecidas enquanto os meus pés estiverem sobre a Terra. É garantir que lhes presto Culto e Serviço e que dedico o meu trabalho e o meu esforço a Elas. Este trabalho e serviço pode ser feito de diversas formas, dependendo da divindade à qual juramos Sacerdócio. 

Uma Sacerdotisa de Athena, por exemplo, poderá querer ser professora ou mentora e ajudar na Educação do seu país e comunidade. Um Sacerdote de Poseídon poderá dedicar-se à Conservação dos Mares e Oceanos com trabalho de voluntariado ou académicos. Uma Sacerdotisa de Hekate poderá dedicar-se à Psicologia e auxiliar pessoas no processo de cura pela morte de familiares ou conhecidos. Existem diversas formas de exercer este tipo de Serviço aos Deuses e, a forma como o fazemos, deve ser estabelecida por nós e pela Divindade. Apesar do Sacerdócio ser, por norma, transmitido por outra pessoa já consagrada e já em Sacerdócio, a relação com as Divindades é um dos pontos fulcrais. Não podemos ser Sacerdotisas e Sacerdotes sem que seja estabelecida uma ligação directa com a Divindade e, dessa forma, obtermos a informação a partir dos mesmos (através dos meios que acharmos melhor e mais adequados). E, é aí, que devemos decidir qual será o método do nosso Serviço. 

Para mim o Sacerdócio aos Deuses é algo para a vida. Não é uma decisão a ser tomada de forma leviana. Já ouvi compararem um Sacerdócio a uma tatuagem, que é permanente porém acho que seja ainda mais permanente do que isso! Uma tatuagem, hoje em dia, é possível de ser removida. E, para mim, um Sacerdócio não é algo que se remova ou que se decida parar. Para mim, na minha experiência e opinião, um Sacerdócio é algo que nos acompanha para sempre, nesta vida e nas próximas. É uma marca na alma, eterna e permanente. 

O meu maior conselho a quem quer seguir um Sacerdócio aos Deuses é paciência. Se o que querem é um Sacerdócio, algo para a vida, esperar não pode ser problema. Paciência e esperar, estudar, treinar, decidir, pensar, meditar. Uma decisão destas não deve nem pode ser tomada de ânimo leve. No meu caso, apesar de ser um sonho desde os meus 12 anos (altura em que conheci pela "primeira vez" o Paganismo) demorei cerca de 13 anos a tomar a dar o passo e a iniciar o meu treinamento. Não tenham medo de esperar nem queiram apressar pois os votos são eternos e a eternidade é um período muito longo, o que não falta é tempo!

 A todos os que querem trilhar o caminho para o Sacerdócio, deixo a mensagem: O trilho não será fácil. Será como entrar descalços numa floresta ao anoitecer sem lanterna e sem defesas e navegar a mesma até ao outro lado, até ao nascer do céu. Vai doer, vai ser lindo, vão chorar, vão rir, vão mudar, vão rever memórias cruéis e memórias felizes, vão abrir feridas que nunca sararam e vão curar-se. Será uma experiência inesquecível, dolorosa e transformadora. Vão sair da floresta como pessoas novas, como sobreviventes, como Sacerdotes e Sacerdotisas. Não é um trilho para todos, tal como nem todos temos vocação para padres católicos ou rabinos judeus. Mas para quem sente o Chamado e sente a vontade de Serviço e de Devoção aos Deuses Antigos, será a viagem de uma vida e uma transformação que nem a de uma borboleta. 

A todos os meus irmãos e irmãs Sacerdotes e Sacerdotisas: Saúdo-vos! Agradeço e Honro o vosso Trabalho e Devoção e que possamos sempre Servir os Deuses Antigos nesta e nas próximas vidas! 

E para vocês? O que é um Sacerdócio aos Deuses? 
Share:

2 comentários:

  1. Fico muito muito muito feliz em te ver feliz sendo o que você queria por tanto tempo. Seu caminho com os deuses vai ser cada vez mais lindo.
    Não posso falar como sacerdotiza, apenas como devota. E este tem sido um período em que comecei tudo do zero, estou buscando a eles tentando ser mais receptiva e sem pretensões. Não sei se um dia chegarei ao sacerdócio...
    Tenho lido, entretanto, experiencias muito bonitas - e muito assustadoras, mas lindas a seu modo - do trabalho sacerdotal, de empregar aspectos divinos e transmitir isso aos outros.
    Torcendo para sua vida cada vez mais plena com os deuses <3

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Você sabe o quanto essas palavras são importantes para mim :) Fico tão agradecida por me acompanhar nesta jornada e por estar na minha vida, todos estes anos! Sei que o seu caminho é e será sempre mágico, todos são à nossa maneira. Os Deuses estão lá para nós, sempre!
      <3

      Eliminar

Apoia o Sob o Luar

Queres apoiar o trabalho do Sob o Luar?
Apoia-nos no Ko-fi!


Ou junta-te ao nosso Patreon!

Informações Mensais


☽ Fases da Lua para Novembro de 2019 ☾

Quarto Crescente: 04 de Novembro de 2019
Lua Cheia: 23 de Novembro de 2019
Quarto Minguante: 19 de Novembro de 2019
Lua Nova: 26 de Novembro de 2019
 
☼ Para informações detalhadas para cada país, selecione a bandeira desejada! ☼

Artigos Populares

Parceiros


Se quiser ser parceiro, contacte através de Facebook ou por e-mail!